Dois casos positivos não elevam risco de infecção em Macau - Plataforma Media

Dois casos positivos não elevam risco de infecção em Macau

Pouco depois do anúncio de que quem passou pelo Centro Comercial de Gongbei entre 11 e 13 de Novembro terá de fazer três testes, foram reveladas duas infecções em Macau, uma delas respeitante a uma família portuguesa, e decretadas duas zonas vermelhas. Alvis Lo diz que o risco comunitário é baixo e que o Grande Prémio não terá restrições adicionais

Ontem, ao início da tarde, foram selados dois edifícios declarados como zonas vermelhas devido à descoberta de dois casos positivos de covid-19. O primeiro prédio a ser selado foi o Bloco II do Edifício Seng Hei Court da Rua de S. Lourenço, n.º 18C, em frente à Igreja de São Lourenço, e mais tarde o Edifício “Tranquility”, na Avenida do Ouvidor Arriaga, nº 28-28B.

Leia mais sobre o assunto: Macau adopta política nacional de quarentena 5+3

Os casos foram detectados depois de na manhã de ontem as autoridades de saúde de Zhuhai terem declarado a descoberta de cinco casos locais, que levaram as congéneres de Macau a decretar a realização de testes de ácido nucleico ao longo de três dias consecutivos para quem tenha passado pelo Centro Comercial Subterrâneo no Posto Fronteiriço de Gongbei entre a passada sexta-feira e domingo.

Leia mais em: Hoje Macau
Related posts
MacauSociedade

Família impedida de se despedir de ente falecido

Eleitos

Aprender com as lições do caos pandémico

ChinaMacau

COVID-19: Macau regista 6 casos de infecção e uma vítima mortal

Eleitos

Ajustar a prevenção pandémica de acordo com as políticas nacionais

Assine nossa Newsletter