Biden e Sunak concordam em apoiar Ucrânia e fazer frente à China - Plataforma Media

Biden e Sunak concordam em apoiar Ucrânia e fazer frente à China

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e o novo PM do Reino Unido, Rishi Sunak, tiveram uma primeira conversa esta terça-feira, na qual concordaram em trabalhar juntos para apoiar a Ucrânia e fazer frente à China, informou a Casa Branca

Os dois líderes conversaram apenas horas depois de Sunak se tornar o terceiro primeiro-ministro britânico em exercício neste ano. O ex-ministro das Finanças de Boris Johnson terá que lidar com uma crise econômica após a renúncia de Liz Truss, que permaneceu apenas 49 dias no cargo.

Biden e Sunak refirmaram a “relação especial” entre Estados Unidos e Reino Unido, e se comprometeram a trabalhar juntos para avançar em segurança global e prosperidade, informou a Casa Branca no comunicado oficial sobre a conversa.

“Os líderes estiveram de acordo sobre a importância de trabalharem juntos para apoiar a Ucrânia e responsabilizar a Rússia” pela invasão da ex-república soviética iniciada em fevereiro. O Reino Unido tem sido um aliado-chave de Washington na Europa para fornecer armas e apoio ao exército ucraniano.

Além do conflito na Ucrânia, a Casa Branca assinalou que Biden e Sunak concordaram com a necessidade de “abordar os desafios apresentados pela China”, um país que os Estados Unidos identificam atualmente como o seu principal rival econômico e geopolítico no cenário mundial.

Related posts
Mundo

'Tempestades intermináveis' deixam 16 mortos na Califórnia

Sociedade

Criança de 6 anos dispara contra professora em sala de aula nos EUA

Mundo

EUA abrem as portas para número restrito de imigrantes e barram ilegais

Mundo

'Nevasca do século' deixa quase 50 mortos nos EUA

Assine nossa Newsletter