Índia e CPLP negoceiam reforço de cooperação em vários setores - Plataforma Media

Índia e CPLP negoceiam reforço de cooperação em vários setores

A CPLP e a Índia querem reforçar a cooperação “nos mais diversos domínios”, incluindo no económico e sobre a integração da diáspora indiana nos Estados-membros da comunidade, anunciou hoje o secretário-executivo organização lusófona.

O chefe da diplomacia indiana, Subrahmanyam Jaishankar, deverá reunir-se com os seus homólogos dos Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) em Nova Iorque, à margem da 77.ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, adiantou Zacarias da Costa, em declarações à Lusa.

Segundo o secretário-executivo, esta reunião foi solicitada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros da Índia à CPLP.

“O encontro vai nesse sentido de aprofundarmos, não só a cooperação nos mais diversos domínios – a Índia é um país bastante avançado – mas também de olharmos um pouco como é que a integração da diáspora indiana nos nossos países está a ser feita, e como é que poderemos trabalhar muito mais” nesse sentido, afirmou o diplomata timorense, que desde julho de 2021 assumiu a liderança do secretariado-executivo da CPLP.

Mas, sublinhou, os indianos estão interessados numa cooperação na área económica com os Estados-membros da CPLP.

Além disso, Zacarias da Costa anunciou que na primeira semana de dezembro, está prevista a realização da semana da lusofonia em Goa, uma iniciativa conjunta da CPLP, Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, do gabinete do secretário de Estado das Comunidades portuguesas e das autoridades da Índia.

Esta iniciativa conta com a presença do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, Paulo Cafôfo, em Goa, disse.

Leia ainda: Médicos da CPLP querem “circulação rápida” na região para aperfeiçoar formação

“Estas são iniciativas que podemos sempre organizar, onde está a própria gastronomia e a promoção da própria língua portuguesa e onde os nossos países estão presentes”, realçou o diplomata timorense, defendendo, porém, que também é necessário traduzir livros de alguns autores indianos para português e de portugueses para indiano, outros dos objetivos neste estreitar das relações entre CPLP e Índia.

“Já temos muitos autores portugueses que estão traduzidos em inglês, mas precisávamos de ter muito mais”, defendeu o secretário-executivo.

A Índia é um dos países observadores associados da CPLP. A candidatura da Índia àquele estatuto foi aprovada na última Cimeira de Chefes de Estado e de Governo, que decorreu em 17 de julho de 2021 em Luanda, Angola.

Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste são os nove Estados-membros da CPLP.

Related posts
Lusofonia

Assembleia Geral adopta resolução sobre cooperação entre a ONU e a CPLP

BrasilLusofonia

CPLP diz que eleições no Brasil cumpriram padrões internacionais

EconomiaLusofonia

Presidente da Assembleia de Angola sublinha revitalização da CPLP

Cabo VerdeLusofonia

Cabo Verde espera “o mesmo espírito” nos acordos de mobilidade na CPLP

Assine nossa Newsletter