“Zero covid” pode diminuir investimento estrangeiro na China - Plataforma Media

“Zero covid” pode diminuir investimento estrangeiro na China

O Investimento Directo Estrangeiro (IDE) na China deve cair, nos próximos anos, à medida que o país insiste na estratégia de ‘zero casos’ de covid-19, previu a unidade de análise da revista The Economist

A Economist Intelligence Unit (EIU) descartou, no entanto, um êxodo corporativo em massa do país, face à atractividade exercida pelo vasto mercado local e importância da China nas cadeias globais produtivas. “Mesmo que não abandonem o mercado chinês, esperamos que os investidores estrangeiros cada vez mais vejam o Sudeste Asiático, onde os governos adoptaram uma estratégia de ‘coexistência com o vírus’, como opção atractiva para investimentos futuros”, lê-se no relatório difundido hoje pela EIU.

Leia também: China ordena confinamento de 1,7 milhão de pessoas por surto de covid

A unidade de análise da The Economist considerou que a estratégia constitui um dos “maiores desafios” que os investidores estrangeiros enfrentaram no país, na história recente.

Leia mais em Hoje Macau

Este artigo está disponível em: English

Related posts
ChinaSociedade

China diz que mortes e hospitalizações por covid-19 mantêm "tendência descendente”

ChinaSociedade

Vacinas chinesas contra Covid-19 mostram-se seguras e efetivas no controle epidémico

Opinião

Política da China à Covid-19 é científica, direcionada e eficaz

ChinaPolítica

Presidente chinês admite estar preocupado com vaga de casos nas áreas rurais

Assine nossa Newsletter