Receio de quarentena ou isolamento causa desespero a quem tem voos marcados - Plataforma Media

Receio de quarentena ou isolamento causa desespero a quem tem voos marcados

A possibilidade de, pela primeira vez em três anos, sair de Macau durante um surto comunitário tornou-se para muitos portugueses um autêntico teste aos nervos. Alguns residentes com viagem marcada tentaram antecipar a partida, sem sucesso devido à lotação esgotada dos poucos voos disponíveis. A maioria teme o confinamento total das zonas de residência ou ser enviado para quarentena

As férias de Verão de muitos portugueses e daqueles que procuram sair de Macau neste período para ver a família ou tratar de assuntos urgentes parecem estar assombradas com a ocorrência do mais recente surto em Macau. O facto de as autoridades não permitirem a saída de quem reside em zonas vermelhas, mesmo com teste negativo à covid-19, está a causar desespero a muitos, que tentam antecipar viagens. No entanto, o HM sabe que, pelo menos até às primeiras semanas de Julho, os voos estão completamente cheios, o que faz com muitos residentes temam ficar retidos no território.

“Por mim, voava já hoje”, disse uma residente, que não quis ser identificada. “Não sabemos o dia de amanhã e queremos sair o mais rapidamente possível porque são viagens muito complicadas. Esta viagem não é um capricho, é uma coisa séria, falo de questões de saúde e familiares. Tenho tido uma vida recatada e sou praticamente risco zero. Se alguém ao lado fica infectado muda a nossa vida por completo, além de perdermos 20 mil patacas, só porque sim.”

Leia mais em Hoje Macau

Related posts
MacauSociedade

Regresso às aulas em Macau com regras apertadas

MacauPolítica

Deputado de Macau quer substituir isolamento em hotéis por quarentenas em casa

MacauSociedade

Autoridades anunciam caso importado de Hong Kong e fecham prédio

EconomiaMacau

Reserva financeira de Macau de 74 MME "não é abundante", deve-se usar com cautela

Assine nossa Newsletter