Tribunal confirma arquivamento de queixa contra Ronaldo por violação - Plataforma Media

Tribunal confirma arquivamento de queixa contra Ronaldo por violação

Um tribunal de Las Vegas, nos Estados Unidos da América (EUA), arquivou o pedido de Kathryn Mayorga de indemnização de milhões de dólares ao futebolista Cristiano Ronaldo, num processo de alegada violação em 2009.

A juíza Jennifer Dorsey negou o requerimento da mulher norte-americana, confirmando o pedido de arquivamento da queixa, em outubro de 2021, de um juiz federal do estado de Nevada, dando razão aos advogados de Cristiano Ronaldo, noticiou este sábado a agência Associated Press (AP).

Kathryn Mayorga, que acusa o internacional português de a ter violado num hotel em Las Vegas, recebeu 375 mil dólares (354.664 euros) por acordo confidencial, em agosto de 2010, mas chegou a pedir uma indemnização de 25 milhões de dólares (23,6 milhões de euros).

A mesma juíza também considerou que o advogado da queixosa, Leslie Mark Stovall, tinha revelado “conduta de má-fé” no processo, tal como tinha argumentado, no ano passado, o juiz responsável pelo caso, o magistrado Daniel Albregts.

Leia mais em TSF

Este artigo está disponível em: English

Related posts
BrasilLifestyle

'Não aceite bebida na balada', diz Aline Campos, sobre violação aos 17

Desporto

Ex-jogadora "violada por dirigente"

BrasilSociedade

Investigada juíza brasileira que tentou impedir aborto a menina que foi violada

DesportoPortugal

Ronaldo fica no United e está "entusiasmado"

Assine nossa Newsletter