México: Trump pensou em bombardear laboratórios de droga - Plataforma Media

México: Trump pensou em bombardear laboratórios de droga

O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ponderou por duas vezes disparar mísseis, de forma clandestina, contra laboratórios de droga no México, revela o ex-secretário de Defesa, Mark Esper, no seu livro de memórias.

No livro “A Sacred Oath” [Um juramento sagrado, em português], que será lançado na terça-feira, Esper conta que Trump lhe confidenciou esta hipótese em 2020.

O objetivo do magnata republicano era “destruir laboratórios de droga” numa operação que deveria ser secreta, refere o ex-secretário de Defesa, segundo um excerto do livro divulgado na quinta-feira pelo jornal New York Times.

Mark Esper, que ocupou o cargo entre julho de 2019 e novembro de 2020, quando foi demitido por Trump por, alegadamente, se recusar a enviar militares contra os manifestantes do Black Lives Matter, refere que o ex-presidente “é uma pessoa sem princípios que, perante os seus interesses pessoais, não deveria ocupar cargos públicos”.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
MundoPolítica

Comité do Congresso dos EUA analisa pressões de Trump para reverter eleições

Política

EUA: Invasão ao Capitólio foi "um dos maiores movimentos da história"

MundoPolítica

Comissão que investiga assalto ao Capitólio culpa Trump por “tentativa de golpe”

Política

Biden reverte ordem de Trump e restabelece voos comerciais para Cuba

Assine nossa Newsletter