Votos da emigração com número recorde. Problemas mantêm-se  - Plataforma Media

Votos da emigração com número recorde. Problemas mantêm-se 

Um relatório da associação Também Somos Portugueses aponta para um aumento de 63 por cento do número de votos dos círculos da emigração para a Assembleia da República, graças à implementação do recenseamento automático. No entanto, é dado o alerta para os entraves que afastam os emigrantes de votar

A associação Também Somos Portugueses (TSP) divulgou esta segunda-feira um relatório sobre os resultados da votação dos círculos da emigração (Europa e Fora da Europa) nas últimas eleições para a Assembleia da República (AR) em Portugal. Apesar de terem votado 257.791 eleitores nestes círculos, mais 63 por cento face a 2019, persistem ainda vários problemas na hora de votar, o que, para a TSP, se traduz num “défice democrático”.

O “número recorde de votantes” registado a 10 de Fevereiro ficou a dever-se, segundo a TSP, ao recenseamento automático, factor que se revelou “essencial”.

Leia mais em Hoje Macau

Artigos relacionados
MundoPolítica

Comité do Congresso dos EUA analisa pressões de Trump para reverter eleições

MundoPolítica

Trump ignorou assessores e insistiu na propagação de 'mentiras' sobre eleições

AngolaPolítica

João Lourenço convoca eleições gerais para 24 de agosto

AngolaPolítica

João Lourenço convoca Conselho da República para consulta sobre a data das eleições

Assine nossa Newsletter