Relatório revela crescente racismo contra asiáticos nos Estados Unidos -

Relatório revela crescente racismo contra asiáticos nos Estados Unidos

A Sociedade Chinesa de Estudos de Direitos Humanos divulgou nesta sexta-feira um relatório que revela o crescente racismo contra asiáticos nos Estados Unidos.

Os Estados Unidos ainda se orgulham de se reconhecer como um país protestante anglo-saxão branco, diz o relatório, observando que os asiático-americanos, afro-americanos, hispânicos e nativos americanos estão sujeitos a discriminação e violações de várias formas e não podem desfrutar plenamente de seus direitos humanos.

O relatório consiste em três partes: asiático-americanos enfrentando aumento de ataques racistas em meio à pandemia do coronavírus; racismo contra asiático-americanos não exclusivo da pandemia do coronavírus; e razões por trás do crescente sentimento anti-asiático em meio à pandemia do coronavírus.

O relatório atribui o crescente sentimento anti-asiático aos ataques racistas contra a China sob o contexto do coronavírus por alguns políticos dos EUA; os efeitos da supremacia branca; o rótulo de “minoria modelo” que algema os asiático-americanos; o antagonismo entre os asiático-americanos e outras minorias étnicas dos EUA; e ações dos alguns políticos dos EUA que prejudicam seriamente as relações China-EUA.

Pode-se inferir que na era pós-pandêmica, mesmo que o racismo anti-asiático possa diminuir, os ataques raciais contra os sino-americanos continuarão a aumentar sob a influência da manipulação política anti-China por políticos dos EUA, diz o relatório, chamando a atenção permanente da comunidade internacional para a questão.

Related posts
AngolaPolítica

UNITA diz que Tribunal Constitucional aceitou providência cautelar

AngolaSociedade

“Caçadores de óbito”, os truques para matar a fome em Luanda à custa dos funerais

BrasilCultura

"Nada é mais cruel do que negros que querem ser brancos"

Sociedade

10% dos docentes de faculdade em Lisboa denunciados por assédio

LifestyleSociedade

Instagram suspende Kanye West por racismo

MundoSociedade

Ex-policial acusado da morte de George Floyd exime-se de responsabilidades

Assine nossa Newsletter