Começa o regresso à ilha de São Jorge - Plataforma Media

Começa o regresso à ilha de São Jorge

Mais de duas semanas depois do início da crise sísmica na ilha de São Jorge, os que partiram estão a regressar, porque “a vida tem de continuar”. São essencialmente os mais novos, porque muitos dos mais velhos ainda continuam fora, é o que conta à TSF o presidente da Junta de Freguesia de Velas, Hélio Rosa.

O presidente da Junta de Freguesia explica que atualmente o movimento na ilha “é pouco”. Alguns locais permanecem “fechados” e só os “turistas mais curiosos” arriscam viajar para a ilha. Hélio Rosa receia que o turismo de verão em São Jorge fique comprometido com as notícias das últimas semanas.

Nos últimos dias, a crise sismovulcânica abrandou. Registou-se uma clara redução da frequência diária de sismos, assim como da magnitude dos abalos, mas Rui Marques, presidente do Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA), sublinha que “esta ligeira diminuição” não significa “que estejamos a caminhar para o fim desta crise”.

“Temos de continuar a acompanhar, não é possível prever a evolução destes sistemas”, refere.

Desde 19 de março o Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores já registou mais de 26 mil sismos. O nível de alerta mantém-se no grau V4, o mais elevado antes de uma erupção.

O presidente do CIVISA sublinha que nunca foi dada ordem para evacuar o concelho de velas, apenas aqueles que têm dificuldades de locomoção foram retirados da vila por precaução. Ainda assim, Rui Marques apela a quem habite “em casas de pedra, mais debilitadas” e que tenha a “possibilidade de pernoitar em casas de familiares, que tenham melhores condições de resistência à ação sísmica”, que o façam como forma de prevenção.

Leia mais em TSF

Related posts
AngolaPolítica

UNITA diz que Tribunal Constitucional aceitou providência cautelar

AngolaSociedade

“Caçadores de óbito”, os truques para matar a fome em Luanda à custa dos funerais

PortugalSociedade

Sismos em São Jorge estão mais próximos da superfície

PortugalSociedade

Atividade sísmica na ilha portuguesa de São Jorge leva pessoas a abandonarem a ilha

PortugalSociedade

Proteção Civil aciona plano regional de emergência em São Jorge

PortugalSociedade

Açores diz ser "preocupante" atividade sísmica na ilha de São Jorge

Assine nossa Newsletter