Itália muda Constituição para consagrar defesa de ambiente e biodiversidade

Itália muda Constituição para consagrar defesa de ambiente e biodiversidade

A Itália alterou a sua Constituição para nela incluir a defesa do ambiente e da biodiversidade, o que foi celebrado por associações, partidos, ativistas e pelo comissário europeu da área

“Um grande passo para a Itália. Incluir a proteção do ambiente, da biodiversidade e dos ecossistemas na vossa Constituição é optar por defender as gerações futuras”, escreveu na rede social Twitter o comissário do Ambiente, Oceanos e Pesca, Virginijus Sinkevicius.

O parlamento italiano aprovou um projeto de lei que inclui na Constituição a proteção da biodiversidade, com o voto favorável de todos os partidos, exceto dos ultra direitistas que se abstiveram.

Em concreto, modificaram-se dois artigos da Constituição, o nono e o 41.º.

Naquele, em que se proclama que “a República promove o desenvolvimento da cultura e da investigação científica e técnica”, acrescentou-se “a proteção do ambiente, a biodiversidade e os ecossistemas no interesse das futuras gerações”.

No 41.º, que determina que “a iniciativa económica é livre, mas não pode desenvolver-se em contraste com a utilidade social ou de um modo que prejudique a segurança, a liberdade e a dignidade humana”, acrescentou-se “a saúde e o ambiente”.

A eurodeputada Eleonora Evi, uma italiana eleita pelos Verdes, considerou esta lei “um facto histórico”, mas pediu “ações concretas” para concretizar estes princípios.

Um dos principais sindicatos italianos, a UIL, expressou a sua “grande satisfação”com a emenda constitucional, e o presidente da Cruz Vermelha Italiana, Francesco Rocca, disse ter recebido “muito bem” esta modificação, mas avisou que “não deve ficar com um desejo no papel”.

Related posts
BrasilSociedade

Brasil aposta no hidrogénio verde com a construção da maior fábrica do mundo

BrasilSociedade

Cidade de São Paulo tem mês de julho mais quente desde 1943

BrasilCultura

Mostra Ecofalante de Cinema estreia em São Paulo esta quarta-feira

MundoPolítica

Biden tenta salvar metas climáticas no meio de onda de calor nos EUA e Europa

Assine nossa Newsletter