Função Pública de Macau pode gozar falta justificada após 3.ª dose

Função Pública de Macau pode gozar falta justificada após 3.ª dose

Os funcionários públicos que tomem a terceira dose da vacina podem ausentar-se do serviço com justificação no dia da vacinação ou no dia seguinte

O Centro de Coordenação de Contingência publicou este domingo uma nota a esclarecer a questão, depois de algumas “sugestões apresentadas pelos próprios funcionários”.

A Direcção dos Serviços de Administração e Função Pública já tinha emitido uma orientação nesse sentido no passado dia 15 de Novembro. 

O Centro recomenda que os indivíduos “com idade igual ou superior a 18 anos que completaram 2 vacinas” recebam agora a 3.ª dose.

Ao mesmo tempo, a restrição ao intervalo para a vacinação da 3.ª dose passa a ser aliviada para pessoas com “necessidade urgente”.

Leia mais em TDM

Artigos relacionados
MacauSociedade

Vacinas mNRA para crianças chegam em Maio

Guiné-BissauSociedade

Guiné-Bissau pretende vacinar mais de 340.000 crianças

Portugal

Salários da função pública podem subir abaixo da inflação em 2023

MacauSociedade

Macau atingiu os 80 por cento de taxa de vacinação contra Covid

Assine nossa Newsletter