Vikings chegaram às Américas séculos antes de Colombo -

Vikings chegaram às Américas séculos antes de Colombo

Séculos antes da viagem pioneira de Cristóvão Colombo, os vikings já tinham chegado ao continente americano, desembarcando no atual Canadá. Um novo estudo usou técnicas engenhosas de datação para identificar de modo preciso a época de existência do assentamento escandinavo nas Américas: exatamente mil anos atrás, em 1021 d.C.

A conclusão, que acaba de sair em artigo na revista científica Nature, foi possível graças à análise de artefatos de madeira vindos do sítio arqueológico de L’Anse aux Meadows, na região da Terra Nova e Labrador (extremo leste canadense). O estudo foi liderado por Michael Dee, da Universidade de Groningen, na Holanda, que trabalhou com colegas de instituições do Canadá e da Alemanha.

Ainda se sabe muito pouco sobre a aventura dos navegadores da Escandinávia no Novo Mundo. Viagens às terras do lado de cá do Atlântico são mencionadas nas sagas (narrativas que misturam história e lenda) escritas na Islândia nos séculos finais da Idade Média.

Os grupos vikings teriam chegado ao Canadá vindos da Groenlândia, onde tinham conseguido estabelecer povoados que duraram séculos (sendo abandonados apenas por volta do ano 1400). As sagas islandesas falam da abundância de madeira na terra recém-descoberta e mencionam conflitos com povos indígenas, que os escandinavos chamavam de “skraelingjar”, talvez com o significado de “gente que se veste com peles de animais”.

Escavações feitas em L’Anse aux Meadows nos anos 1960 mostraram que as narrativas estavam corretas, e que a área provavelmente serviu de base para expedições a outras áreas da costa atlântica. As datações obtidas no sítio arqueológico, porém, eram uma bagunça, abrangendo praticamente toda a chamada Era Viking (que vai de 793 d.C. a 1066 d.C., segundo a convenção adotada hoje).

Isso provavelmente se devia a limitações tecnológicas dos métodos de datação na época em que as escavações originais foram feitas, sem controles capazes de levar em conta contaminações do material e outros fatores.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Assine nossa Newsletter