Chefe militar dos EUA diz que 'nada indicava' colapso do governo afegão em 11 dias - Plataforma Media

Chefe militar dos EUA diz que ‘nada indicava’ colapso do governo afegão em 11 dias

Mark Milley e secretário de Defesa afirmaram que situação no país é segura, apesar de incidentes.

O general Mark Milley, chefe do Estado-Maior dos EUA, disse nesta quarta-feira (18) que relatórios de inteligência não indicavam que a queda do governo do Afeganistão com o avanço do grupo rebelde Taleban se daria tão rapidamente.

“Não havia nada que eu ou qualquer outra pessoa tenha visto que indicava um colapso do Exército e do governo em 11 dias”, disse o general, em entrevista coletiva ao lado do secretário de Defesa, Lloyd Austin —a primeira dos dois desde que o grupo fundamentalista islâmico voltou ao poder no Afeganistão.

Segundo o general, diferentes relatórios de inteligência indicavam a possibilidade de três cenários: a tomada taleban seguida de um rápido colapso do governo afegão; uma guerra civil; e uma negociação para transição de poder. “O tempo para um rápido colapso foi estimado em semanas, meses e mesmo anos após nossa partida.”

Leia mais em Folha de S.Paulo

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Related posts
CulturaMundo

“Sou mulher e jornalista, os Talibã não aguentam isso”

MundoPolítica

Talibãs reúnem-se hoje com representantes dos EUA e UE

MundoPolítica

Os 5 membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU querem 'Afeganistão estável'

MundoPolítica

EI reivindica ataques contra talibãs no Afeganistão

Assine nossa Newsletter