Governo português prepara início da "libertação total" - Plataforma Media

Governo português prepara início da “libertação total”

Horários do comércio, uso de máscara, recolher obrigatório, matriz de risco. O Executivo deverá hoje aligeirar o confinamento.

A reunião, no Palácio da Ajuda, adivinha-se longa. E no final o primeiro-ministro deverá anunciar medidas de aligeiramento do confinamento pandémico. Será o início da “libertação total” que o próprio António Costa já disse perspetivar-se para o final do verão com o progresso da vacinação e o país a alcançar a situação de imunidade de grupo.

Espera-se, por exemplo, que o Conselho de Ministros decida levantar ou todas ou algumas das restrições atualmente em vigor nos horários do comércio e da restauração. Atualmente, aos fins de semana e feriados, nos concelhos considerados de “risco muito elevado“, o comércio a retalho não alimentar está obrigado a fechar às 15.30. Já as mercearias, super e hipermercados, também aos fins de semana e feriados, têm de fechar às 19.00 (no resto dos dias às 21.00).

Leia mais em Diário de Notícias

Assine nossa Newsletter