EUA impõem novas sanções contra Cuba após onda de protestos na ilha - Plataforma Media

EUA impõem novas sanções contra Cuba após onda de protestos na ilha

Chanceler cubano reage e acusa americanos de fazer pressão sobre outros países com apoio de Bolsonaro.

Na primeira ação concreta do presidente Joe Biden para colocar pressão sobre Cuba desde o início da onda de protestos na ilha, o governo americano anunciou nesta quinta-feira (22) uma nova rodada de sanções contra o regime comunista.​

“Este é apenas o começo; os EUA continuarão a punir os responsáveis pela opressão do povo cubano”, disse o democrata, pouco após o anúncio das medidas.

De acordo com o site do Departamento do Tesouro, as sanções foram impostas contra o general Alvaro Lopez Miera, ministro das Forças Armadas Revolucionárias, e uma unidade de segurança do Ministério do Interior por violações de direitos humanos durante a repressão às manifestações, as maiores registradas em Cuba em décadas.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Related posts
EconomiaMundo

Mesmo fragilizado Biden pretende liderar reunião do G20 e COP26

Lucro trimestral da Microsoft cresce 48% graças à nuvem

ChinaPolítica

Xi Jinping defende “coexistência pacifica” no aniversário da adesão à ONU

MacauPolítica

Licenças de jogo: Fong diz que tensão com EUA deve ser considerada

Assine nossa Newsletter