Secretários defendem decisão da CAEAL de desqualificar deputados - Plataforma Media

Secretários defendem decisão da CAEAL de desqualificar deputados

O secretário para a Administração e Justiça, André Cheong, considerou que os sete critérios sobre o patriotismo da CAEAL para recusar as candidaturas de 21 residentes às eleições respeitam a Lei Básica e a Lei Eleitoral. As declarações foram prestadas ontem à margem de uma reunião na Assembleia Legislativa.

Segundo a visão de André Cheong, os sete critérios do patriotismo estão de acordo com a Lei Básica e a Lei Eleitoral para a Assembleia Legislativa, pelo que recusou que contrariem o disposto na “mini-constituição”, na parte em que refere que todos os residentes permanentes podem ser eleitos como deputados. Por outro lado, o secretário defendeu que os órgãos políticos não são para ser ocupados por qualquer cidadão, mas antes para os que cumprem as “exigências” mais elevadas da população face aos políticos.

Leia mais Hoje Macau

Related posts
MacauPolítica

Assembleia Legislativa “distante da opinião pública”

MacauPolítica

Campanha eleitoral em Macau morna e sem novidades

MacauPolítica

Covid-19: Comissão eleitoral de Macau admite adiar escrutínio com agravamento da epidemia

MacauPolítica

Eleições: TUI vai decidir todos os processos em conjunto

Assine nossa Newsletter