Pressão por leitos aumenta e ocupação chega a 90% em nove capitais e no Distrito Federal - Plataforma Media

Pressão por leitos aumenta e ocupação chega a 90% em nove capitais e no Distrito Federal

Parte das capitais flexibilizou medidas de restrição nos últimos dois meses e enfrenta novo pico de demanda por leitos.

Com o aumento de novos casos da Covid-19 no país, cresceu a pressão por leitos para pacientes graves e o nível de ocupação já ultrapassa 90% das vagas em nove capitais brasileiras, além do Distrito Federal.

O cenário representa uma piora em relação à semana passada, quando sete capitais estavam em um patamar acima de 90% na ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Rio de Janeiro, Curitiba, Recife, São Luís, Natal, Maceió, Aracaju, Campo Grande e Palmas são as capitais com cenário mais preocupante. O Distrito Federal também enfrenta uma situação crítica, com 95% dos leitos ocupados.

Nesta terça (25), pela primeira vez em 57 dias, a taxa de contágio (Rt) ultrapassou o teto de 1 em todas as regiões do país, segundo dados da plataforma Info Tracker, da Unesp e da USP.

A Rt maior do que 1, como acontece agora em todo o território nacional, significa que cada doente pode infectar mais do que uma outra pessoa. Para conter a transmissão e evitar uma terceira onda, a taxa precisa ficar abaixo de 1.

A média móvel de casos de Covid-19 vem aumentando desde o fim de abril. Nesta semana, o número está em cerca de 65 mil infectados por dia, e os dados vêm apontando tendência de crescimento desde o início de maio.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Related posts
BrasilSociedade

Covid-19: 58,5% do público-alvo no Brasil recebeu a primeira dose

BrasilSociedade

Covid-19: Rio registra 4 primeiros casos de morte por variante Delta

BrasilEconomia

Desemprego deve continuar alto apesar de recuperação, dizem economistas

BrasilEconomia

Salários serão afetados pela Covid por 9 anos no Brasil, diz Banco Mundial

Assine nossa Newsletter