Netflix foi a rainha dos Globos, Chadwick Boseman premiado a título póstumo - Plataforma Media

Netflix foi a rainha dos Globos, Chadwick Boseman premiado a título póstumo

Os Globos de Ouro, prémios de cinema e televisão da Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood, distinguiram Chadwick Boseman a título póstumo, como melhor ator dramático, numa cerimónia em que a Netflix foi a grande vencedora. O ator, que morreu em 2020, aos 43 anos, foi premiado pelo seu papel no filme “Ma Rainey: a mãe do blues”, de George C. Wolfe.

A 78.ª edição dos Globos de Ouro decorreu no domingo à noite e forma virtual, por causa da pandemia, contando com apresentação de Tina Fey e Amy Poehler e a participação de alguns dos laureados do ano passado.

A Netflix, que contava com 42 nomeações, venceu a maioria dos prémios para televisão, com a série “The Crown”, que contava com seis nomeações, a obter quatro globos, incluindo o prémio para melhor série de drama. A série, que reconstitui a vida da família real britânica, recebeu ainda prémios para os atores Josh O’Connor (no papel de príncipe Charles), Emma Corrin (princesa Diana) e Gillian Anderson (Margaret Thatcher).

A popular série “Gambito de Dama”, daquela plataforma de streaming, venceu na categoria de melhor minissérie, tendo a protagonista, Anya Taylor-Joy, obtido também o prémio de melhor atriz.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
Lifestyle

Série de Meghan Markle cancelada pela Netflix

LifestyleSociedade

Netflix fará cobrança a quem emprestar a própria senha

Lifestyle

Meghan Markle produzirá série da Netflix para inspirar meninas

CulturaMundo

Globos de Ouro: Reformas aprovadas após críticas por falta de diversidade

Assine nossa Newsletter