Morreu ″subitamente″ médico russo que assistiu Navalny após envenenamento - Plataforma Media

Morreu ″subitamente″ médico russo que assistiu Navalny após envenenamento

Sergey Maximishin tinha 55 anos.

Morreu um dos médicos russos que assistiu Alexei Navalny quando este foi envenenado, no dia 20 de agosto do ano passado, por exposição ao composto Novichok, um agente neurotóxico militar desenvolvido na época soviética.

Sergey Maximishin tinha 55 anos e era diretor-adjunto da unidade de anestesiologia e reanimação do Hospital de Urgências de Omsk, para onde o líder da oposição foi transportado de urgência depois de se ter sentido mal no avião em que seguia para Moscovo.

Leia mais em TSF

Related posts
Política

Autoridades russas ameaçam alimentar Navalny, em greve de fome, à força

Política

Rússia confirma que Navalny foi transferido para colónia penal

Política

Navalny será julgado na quarta-feira por difamação

MundoPolítica

Opositor russo preso apela às pessoas para "tomarem as ruas"

Assine nossa Newsletter