Costa anuncia fecho de fronteiras aéreas entre Portugal e Reino Unido - Plataforma Media

Costa anuncia fecho de fronteiras aéreas entre Portugal e Reino Unido

Mais uma medida de confinamento, desta feita para tentar isolar o país da estirpe britânica do coronavírus que se está a espalhar rapidamente em Portugal, diz o Governo.

Portugal vai encerrar as fronteiras aéreas com o Reino Unido a partir das 0h00 do próximo sábado, 23 de janeiro, anunciou o primeiro-ministro, a partir de um palco menos provável para este tipo de comunicações do foro doméstico, o final da reunião virtual do ​​​​​​​conselho europeu, que decorreu esta quinta-feira.

António Costa justificou a medida: a “interrupção total de voos” servirá para “diminuir os riscos de contágio” pela nova variante britânica do coronavírus, estirpe que se está a propagar rapidamente em Portugal, segundo os dados das autoridades portuguesas.

De fora ficam “unica e exclusivamente os voos de natureza humanitária para repatriar cidadãos portugueses e britânicos”, acrescentou o chefe de governo português.

A medida foi anunciada após a cimeira informal de líderes da União Europeia (por videoconferência) que decorreu esta quinta e serviu para coordenar as respostas dos 27 Estados-Membros no combate à covid-19.

Leia mais em Dinheiro Vivo

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
EconomiaPortugal

O lado escondido do vírus criou uma pobreza que não sabe pedir ajuda

PortugalSociedade

Cansaço, medo e ansiedade. O isolamento na cabeça dos jovens

PortugalSociedade

Nunca, em nenhum confinamento, os portugueses saíram tanto de casa como agora

PolíticaPortugal

Governo português espera reabrir turismo em maio

Assine nossa Newsletter