Manaus pode ter que recorrer a oxigênio da Venezuela, diz prefeito - Plataforma Media

Manaus pode ter que recorrer a oxigênio da Venezuela, diz prefeito

Ao comentar o colapso do sistema de saúde do estado do Amazonas, prefeito disse que este é “o dia mais triste da história”

David Almeida (Avante), prefeito de Manaus, disse nesta quinta-feira (14) ao Brasil Urgente que este é o “dia mais triste da nossa história” ao comentar a falta de oxigênio nas unidades de saúde e o toque de recolher decretado pelo governo local para tentar conter o avanço da chamada “segunda onda” do coronavírus no Amazonas. Segundo ele, o estado pode ter que recorrer à Venezuela para conseguir novos estoques do insumo.

“Por incrível que pareça a Venezuela é o único lugar para o qual podemos sair [em busca de oxigênio]. O caminho é Manaus, Boa Vista e Venezuela. Essa é a realidade. A situação ainda pode se agravar. Até os hospitais particulares estão entrando em colapso”, disse.

Leia mais em Band

Related posts
MundoPolítica

Maduro chama observadores eleitorais da UE de 'inimigos' e 'espiões'

MundoPolítica

Mais de 350.000 militares e policiais vigiam as eleições na Venezuela

MundoPolítica

TPI avança para investigação formal à Venezuela por violação de DH

MundoPolítica

TPI investiga Venezuela por crimes contra a humanidade

Assine nossa Newsletter