João Lourenço afirma que Executivo conta com a parceria das igrejas - Plataforma Media

João Lourenço afirma que Executivo conta com a parceria das igrejas

O Presidente da República, João Lourenço, afirmou, na segunda-feira, em Luanda, que o Executivo conta, “verdadeiramente”, com a parceria das igrejas, em todos os domínios, sobretudo no combate à corrupção, para o desenvolvimento económico e social do país.

O Chefe de Estado fez essas declarações no final do encontro que teve, no Palácio da Cidade Alta, com um grupo de líderes religiosos em representação das igrejas reconhecidas em Angola.


O encontro, uma iniciativa do Presidente da República, serviu para se analisar a situação económica e social do país, o combate à Covid-19 e a luta pela paz social, provocada, sobretudo, pelo agravamento das condições de vida das populações.


O Presidente da República garantiu ter retido, “com bastante atenção”, todos os conselhos e recomendações deixados pelos líderes religiosos. “Acreditamos que, sendo a Igreja, não apenas uma fonte de paz, justiça, mas, sobretudo, de sabedoria, vamos aproveitar a sabedoria dela que, com certeza, nos vai ser muito útil para podermos ultrapassar os desafios que o país está a enfrentar”, frisou.


João Lourenço acrescentou que o canal para o diálogo com os líderes religiosos vai continuar aberto e garantiu que os pontos focais do Executivo, nomeadamente a ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, o ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, e o ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, Jomo Fortunato, estarão sempre disponíveis.


“Vamos continuar a trabalhar juntos em prol do bem-estar dos angolanos e pelo desenvolvimento harmonioso do nosso país”, realçou. Na abertura do encontro, João Lourenço agradeceu os religiosos por aceitarem deslocar-se ao Palácio da Cidade Alta, para uma conversa franca e aberta, com ele, sobre os principais problemas que afectam o país.

Leia mais em Jornal de Angola

Artigos relacionados
AngolaEconomia

PIB do terceiro trimestre de 2020 com queda de -5,8% em Angola

AngolaPolítica

Angola quer cooperação diplomática com o Ghana

AngolaPolítica

João Lourenço escreve a responsáveis da UE

AngolaSociedade

Um milhão de bilhetes de identidade emitidos em um ano em Angola

Assine nossa Newsletter