Papa critica negacionistas da covid-19 e elogia liderança feminina - Plataforma Media

Papa critica negacionistas da covid-19 e elogia liderança feminina

O Papa Francisco critica em livro os que protestam contra as medidas impostas para conter as infeções com o novo coronavírus, incluindo alguns membros da Igreja, e defende que a pandemia foi mais bem conduzida em países liderados por mulheres

O volume de 150 páginas intitulado “Sonhemos Juntos”, que será publicado em várias línguas no início de dezembro, é fruto de longas conversas com a jornalista inglesa Austen Ivereigh. Nesta publicação, o Papa considera que “usar, expandir ou redimensionar um infortúnio para se posicionar política ou socialmente é também uma forma séria de abuso que menospreza a dor das vítimas e é igualmente repreensível”.

Nesse sentido indicou que “alguns dos protestos durante a crise do coronavírus despertaram o espírito indignado de vitimização, mas sobre pessoas que são vítimas apenas na imaginação”. “Aqueles que afirmam, por exemplo, que ser obrigada a usar máscara é uma imposição injustificada do Estado, esquecem-se e são indiferentes a todos aqueles que, por exemplo, não têm segurança social ou perderam o emprego”, refere o Papa. “Alguns grupos protestaram, recusaram-se a manter distância, marcharam contra as restrições às viagens, como se essas medidas constituíssem um atentado político à autonomia ou à liberdade individual! A busca do bem comum é muito mais do que a soma de ativos individuais”, acrescenta.

Francisco lamenta que “alguns padres e leigos tenham dado um mau exemplo ao perder o sentido de solidariedade e fraternidade com os demais irmãos”. “Fizeram uma batalha cultural quando na realidade se tratava de garantir e proteger toda a vida”, refere.

Leia mais em Jornal de Notícias

Related posts
EconomiaMundo

Papa Francisco pede aos jovens empresários uma nova mentalidade económica

MundoPolítica

Papa Francisco telefona a Biden para lhe dar "parabéns e bênção"

MundoPolítica

Papa apoia uniões civis entre pessoas do mesmo sexo

MundoSociedade

Vaticano confirma caso de covid-19 na residência do Papa Francisco

Assine nossa Newsletter