Museus da Europa reabrem, mas continuam vazios e amargam crise histórica - Plataforma Media

Museus da Europa reabrem, mas continuam vazios e amargam crise histórica

Frequência em algumas das maiores instituições culturais do mundo caiu para um terço do nível do ano passado

Os visitantes das vastas galerias arcadas do Rijksmuseum, que abrigam quadros dos grandes mestres da pintura holandesa, sentem agora que têm o museu só para eles. Antes da pandemia, cerca de 10 mil pessoas por dia iam à instituição, em Amsterdã. Hoje, ela vem recebendo só 800 visitantes por dia.

Em teoria, mesmo com normas severas de distanciamento social —os visitantes precisam fazer reservas com antecedência, seguir percursos preestabelecidos e manter distanciamento de pelo menos dois metros dos demais visitantes—, o museu nacional holandês poderia receber pelo menos 2.500 visitantes por dia. Mas o público não está batalhando para atinigir o limite de ingressos disponíveis à venda.

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Related posts
EconomiaMundo

Metade dos adultos vacinados contra Covid na Europa, mas variante Delta ameaça reaberturas

Mundo

Europa repatria produção de baterias com expansão de vendas de viaturas elétricas

EconomiaMundo

BCE pode decidir mudanças após revisão da sua estratégia

MundoPolítica

Oposição em Myanmar denuncia vaga de Covid "fora de controlo" e pede ajuda urgente à ONU

Assine nossa Newsletter