Depressão Bárbara. Proteção Civil já registou 119 ocorrências e a situação vai piorar - Plataforma Media

Depressão Bárbara. Proteção Civil já registou 119 ocorrências e a situação vai piorar

A Proteção Civil registou esta segunda-feira 119 ocorrências relacionadas com o mau tempo em Portugal continental, maioritariamente quedas de árvores, obstruções de via, quedas de estruturas e inundações, num balanço até às 15.30, sem registo de feridos.

“Neste momento, é um balanço de 119 ocorrências”, avançou à Lusa fonte da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).

A maioria das ocorrências foi registada nos distritos de Lisboa, Coimbra, Guarda e Aveiro, segundo a ANEPC, referindo que são “maioritariamente queda de árvores, limpezas de via, queda de estruturas e inundações”.

“Não temos qualquer registo de feridos associados a estas ocorrências”, afirmou fonte da Proteção Civil.

O mais recente balanço da ANEPC relativamente ao impacto do mau tempo em Portugal continental foi feito até às 15.30, verificando-se que as 119 ocorrências registadas ocorreram “maioritariamente no período da tarde”.

A Proteção Civil anunciou esta segunda-feira que vai colocar às 00.00 de terça-feira em estado de alerta especial laranja oito distritos do país devido à chuva “forte e persistente” e ao vento.

Lisboa, Santarém, Setúbal, Portalegre, Castelo Branco, Aveiro, Coimbra e Porto são oito distritos que vão estar em alerta laranja (o segundo mais grave da escala) entre as 00.00 de terça-feira e as 23.59 de quarta-feira.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Depressão Bárbara: Rajadas de 135 km/h colocam Portugal em alerta amarelo

Assine nossa Newsletter