Governo "Não antevemos qualquer aumento de impostos"

“Rigor não é sinónimo de austeridade. Não antevemos qualquer aumento de impostos”

O ministro das Finanças apresenta esta manhã a proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2021. Acompanhe aqui a conferência de imprensa.

O ministro das Finanças recusa responder às perguntas sobre uma possível crise política com palavras já usadas várias vezes durante a apresentação, com insistência de que é um “orçamento bom para Portugal e para os portugueses”.

Sobre o défice orçamental, João Leão recorda que “em 2020 houve uma paragem da economia” e que a “recuperação vai gerar uma melhoria da receita e do défice do Estado”.

“Não antevemos nenhum aumento dos impostos, pelo contrário, o OE reduz os impostos”, esclarece, frisando que há medidas que são extraordinárias e apenas para o tempo de pandemia.

Leia mais em TSF

Artigos relacionados
Economia

"Pontapé de saída para recuperação está dado"

EconomiaPolítica

Eurogrupo alivia pressão sobre Leão. Apoios não devem ser retirados de forma prematura

MundoPortugal

Três comissários europeus em quarentena depois de contacto com João Leão

PolíticaPortugal

Ministro das Finanças testa positivo à Covid-19

Assine nossa Newsletter