A história do frango tikka masala: poucos fãs na Índia, apesar da sua fama internacional - Plataforma Media

A história do frango tikka masala: poucos fãs na Índia, apesar da sua fama internacional

Amado em todo o Reino Unido, o prato não existe na culinária indiana ou figura comumente nos cardápios da Índia, e os indianos não são apaixonados por ele

Com os seus pedaços de frango grelhados envolvidos num curry de laranja aveludado e apimentado, o frango tikka masala é um dos pratos mais populares da Grã-Bretanha, e não só.

É uma das refeições prontas mais vendidas no supermercado Sainsbury’s, que vende 1,6 milhão de refeições de frango tikka masala todos os anos e tem estoque de 16 produtos relacionados, incluindo um molho de massa de frango tikka masala. É comido em todo o Reino Unido, de norte a sul, e é um alimento básico nas casas de curry de Londres – especialmente em Brick Lane, conhecida como Curry Mile, no East End da cidade.

Para os não iniciados, o prato consiste em pedaços desossados ​​de frango marinado em temperos e iogurte que é assado no forno antes de ser coberto com um cremoso molho de tomate.

As origens do frango tikka masala são, no entanto, nebulosas. Não existe como tal na culinária indiana ou figura comumente nos menus na Índia. Mas afinal, quem criou a famosa iguaria?

Apesar do nome, o prato não veio das cozinhas dos imperadores Mughal, ou do Raj britânico. A maioria dos livros de receitas indianos não o lista. No seu livro Curry: A Tale of Cooks and Conquerors, Lizzie Collingham escreve que, de acordo com os críticos gastronómicos, o frango tikka masala “não foi um exemplo brilhante do multiculturalismo britânico, mas uma demonstração da facilidade britânica de reduzir todos os alimentos estrangeiros ao seu aspecto menos apetitoso e formas não comestíveis ”.

De acordo com o Manual Multicultural de Alimentos, Nutrição e Dietética, muitos chefs do Bangladesh migraram para o Reino Unido na década de 1960 e desenvolveram os seus próprios pratos, incluindo frango tikka masala, para agradar ao paladar britânico. Outros defendem que o prato foi criado no Paquistão. De qualquer maneira, já em 1983, o supermercado britânico Waitrose vendia frango tikka masala como refeição pronta.

No livro Curry Culture, os historiadores de comida étnica Peter e Colleen Grove escrevem que “o prato foi provavelmente inventado na Grã-Bretanha, provavelmente por um chef de Bangladesh”. Os autores também acham que a sua origem pode estar numa receita de shahi frango masala no clássico livro de receitas de Balbir Singh, Indian Cookery, publicado em 1961.

Outra possibilidade aventada é que se originou em Glasgow, na Escócia. Na série de TV de culinária da BBC de 2013, The Hairy Bikers, Asif Ali, filho de Ali Ahmed Alam, do restaurante Shish Mahal de Glasgow, diz que em 1971 foi o seu pai quem improvisou um molho feito de iogurte, tomate, creme e especiarias para satisfazer a motorista de autocarro descontente, que pediu um tikka de frango. Quando lhe foi servido um prato de frango grelhado com especiarias, ele gritou: “Onde está o molho?” O chef de Bangladesh terá usado uma lata de sopa de tomate, acrescentou temperos e iogurte e chamou-a de frango tikka masala.

Artigos relacionados
ChinaMundo

Novo acordo militar entre Índia e EUA ameaça a neutralidade de Nova Deli face a Pequim

MundoSociedade

Índia supera 7 milhões de casos de coronavírus

MundoSociedade

Índia com cerca de 500 milhões de doses de vacinas disponíveis em julho

Sociedade

Índia. Mais uma mulher 'dalit' morre vítima de violação coletiva

Assine nossa Newsletter