Messi junta-se a Ronaldo no grupo dos bilionários da Forbes - Plataforma Media

Messi junta-se a Ronaldo no grupo dos bilionários da Forbes

Messi será o jogador de futebol mais bem pago do mundo em 2020, com 107 milhões de euros em salários, parcerias e acordos de patrocínios.

O argentino Lionel Messi juntou-se ao português Cristiano Ronaldo e tornou-se o segundo futebolista da história a ultrapassar a marca do mil milhões de dólares em receitas durante toda a carreira, de acordo com a revista Forbes.

Segundo a publicação norte-americana, especializada em negócios e finanças, Messi será o jogador de futebol mais bem pago do mundo em 2020, com 126 milhões de dólares (107 milhões de euros), incluindo 92 milhões (77 ME) em salários pagos pelo FC Barcelona e 34 milhões (28,5 ME) em parcerias e acordos de patrocínios.

Com estes números, o avançado argentino, que esteve perto de abandonar o FC Barcelona nas últimas semanas, junta-se ao restrito grupo dos ‘bilionários’ do mundo do desporto, em que já estava Ronaldo, assim como o golfista Tiger Woods, o ex-pugilista Floyd Mayweather e o ex-basquetebolista Michael Jordan.

Leia mais em TSF

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
DesportoPortugal

Movimento "Sem Adeptos Não Há Futebol" quer regresso aos estádios

Desporto

Messi dispara com críticas ao Barcelona pela saída de Suárez: "Nada me surpreende"

AngolaDesporto

Palancas Negras iniciam preparação em Portugal

Desporto

Guiné Equatorial anuncia Jorge Costa, mas treinador pode rumar à Roménia

Assine nossa Newsletter