Aberta ligação ferroviária Zhuhai-Aeroporto - Plataforma Media

Aberta ligação ferroviária Zhuhai-Aeroporto

O troço Gongbei-Chimelong, da linha ferroviária Zhuhai-Aeroporto, foi oficialmente aberto esta semana. Trata-se de uma seção da linha com 16,86 quilómetros que liga aqueles dois pontos. Para já, está prevista a circulação total de 20 comboios por dia, nos dois sentidos, com uma frequência aproximada de hora e meia (um a cada 85 minutos). A viagem demora cerca de 30 minutos.

A primeira secção desta nova linha inicia-se na estação de Zhuhai (Gongbei) e acaba na estação de Zhuhai Chimelong. Ao todo, liga sete estações: Zhuhai, Wan Chai Norte, Wan Chai (temporariamente encerrada), Shizimen, Hengqin Norte, Hengqin e Zhuhai Chimelong. 

A frequência dos comboios não permite, para já, que este consiga servir como transporte do dia-a-dia, designadamente para deslocações para o trabalho.

Com a exceção da estação de Zhuhai, as restantes seis estações são subterrâneas, assim como 90 por cento da linha ferroviária. 

Cada comboio será formado por oito carruagens com capacidade para transportarem mais de um milhar de passageiros por viagem.

O preço dos bilhetes situa-se entre os sete e os 11 renminbis (RMB). Partir de Zhuhai com destino às estações de Wan Chai Norte, Wan Chai, Shizimen e Hengqin Norte custa sete RMB. Se a deslocação se prolongar até à estação de Hengqin o valor da viagem sobre para nove RMB e, finalmente, um bilhete entre as atuais duas extremidades da linha (Zhuhai-Gongbei) -Chimelong chega aos 11 RMB. A velocidade máxima do comboio está fixada em 100 quilómetros por hora.

A estação de Hengqin, com uma área de construção de 60 mil metros quadrados, é a segunda maior estação ferroviária subterrânea da China. As saídas número 4 e 5 desta estação dão acesso ao novo Porto de Hengqin (fronteira), deixando os passageiros a pouco mais de uma dezena de metros do novo posto fronteiriço (inaugurado também esta semana), contribuindo segundo as autoridades para aproximar as cidades de Zhuhai e de Macau. Está prevista uma futura ligação entre esta estação e o Metro Ligeiro de Macau. 

De acordo com comentários recolhidos online, a nova linha terá para já pouco impacto junto dos cidadãos de Zhuhai que diariamente se deslocam para trabalhar em Macau, devido aos longos períodos de espera entre cada comboio. Todavia, para turistas chegados a Zhuhai, vindos de Guangzhou e de outras regiões, a linha pode revelar-se um meio de transporte alternativo para entrar em Macau uma vez que dá acesso direto a Hengqin.

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
ChinaEconomia

Vistos para Zhuhai com pouco impacto no jogo, diz analista

ChinaMacau

Vistos turísticos entre Zhuhai e Macau a partir de amanhã

MacauPolítica

Ho Iat Seng esteve reunido com autoridades de Zhuhai

ChinaSociedade

Zhuhai e Shenzhen suspendem o reconhecimento de quarentena em Hong Kong

Assine nossa Newsletter