Raptos são desafio para Maputo, considera Filipe Nyusi - Plataforma Media

Raptos são desafio para Maputo, considera Filipe Nyusi

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, considerou na sexta-feira os raptos como um dos principais desafios da cidade Maputo, exigindo que se reforce o combate a este tipo de crime na capital moçambicana.

“O combate contra os raptos deve ser reforçado”, disse Filipe Nyusi, falando num encontro com dirigentes da cidade de Maputo no final de uma visita de trabalho à capital moçambicana.

Para Filipe Nyusi, os raptos na capital moçambicana estão entre os problemas que “tocam a vida dos cidadãos” e é necessário que as estratégias de combate a este crime sejam reforçadas.

Desde o início de 2020, as autoridades moçambicanas registaram um total de nove raptos, cujas vítimas são sempre empresários ou seus familiares.

A maior parte dos casos ocorreu na região sul (nas cidades de Maputo e Matola).

Dos casos registados este ano, duas vítimas foram resgatadas pelas autoridades em Maputo, havendo uma terceira vítima que foi libertada em condições ainda por esclarecer.

Entre os empresários que a polícia resgatou destaca-se o filantropo indiano Rizwan Adatia, que esteve 21 dias em cativeiro no distrito de Boane, sul de Moçambique.

Artigos relacionados
MoçambiquePolítica

Abstenção de Moçambique. Marcelo afirma respeito por posição do país na condenação à Rússia

Guiné-BissauPolítica

Organização de direitos humanos denuncia “onda de raptos em Bissau”

Moçambique

Desaparecimento de jornalista ruandês em Maputo ressuscita fantasma do passado

MoçambiqueSociedade

Moçambique inaugura hoje expansão da rede de água da região de Maputo

Assine nossa Newsletter