Taça de Portugal: dobradinha ou desforra? - Plataforma Media

Taça de Portugal: dobradinha ou desforra?

A história está completamente do lado do Benfica em termos de finais de Taça frente ao Porto (embora desta vez a final não seja em Lisboa), enquanto os portistas têm a a vantagem anímica da conquista do campeonato, após recuperação improvável à custa dos encarnados. Veremos o que vale mais, este sábado à noite, na grande final de Coimbra.

Na final da 80ª Taça de Portugal defrontam-se os dois primeiros do campeonato recém-terminado, os clubes que têm dominado por completo o futebol em Portugal nas últimas décadas. Este é o superclássico português dos nossos tempos, até porque a rivalidade entre os dois emblemas, também fora de campo, não tem parado de crescer, com os seus responsáveis de há muito em conflito aberto.

Um Porto mais competitivo perante um Benfica mais motivado?
A grande dúvida é se um Benfica ferido pela perda do campeonato e pela forma como o perdeu – desperdiçando uma vantagem de 7 pontos sobre o Porto, à jornada 20, caindo a pique com uns inacreditáveis 22 pontos perdidos em 12 jogos, ou seja, em 36 possíveis -, pode estar mais motivado para esta final do que um Porto que cumpriu já o seu grande objetivo da temporada: ser campeão e garantir o milionário acesso direto à fase de grupos da Liga dos Campeões.

Leia mais em O Jogo

Artigos relacionados
DesportoPortugal

Cristiano Ronaldo marca dois mas Juve fica pelo caminho

BrasilDesporto

Daniel Neri, o Jorge Jesus do Sertão

BrasilDesporto

Benfica acerta Cebolinha: 22 milhões em quatro anos

BrasilDesporto

Pedrinho ansioso por trabalhar e "evoluir" com Jorge Jesus no Benfica

Assine nossa Newsletter