Transferências milionárias de Isabel dos Santos à lupa em Portugal - Plataforma Media

Transferências milionárias de Isabel dos Santos à lupa em Portugal

As autoridades judiciais portuguesas estão no rasto do circuito de offshores e “testas de ferro” da empresária angolana Isabel dos Santos, que terão levado 573 milhões de euros da Unitel para Portugal.

O banco português BPI, ligado a interesses empresariais da filha do ex-Presidente da República, José Eduardo dos Santos, denunciou várias operações da empresária angolano-russa, segundo uma investigação da revista portuguesa SÁBADO, sobre o esquema de transferências financeiras, com o título “O grande cerco da Justiça”.

A investigação jornalística dá conta de buscas feitas a “testas de ferro” de Isabel dos Santos, suspeitas na Zona Franca da Madeira (paraíso fiscal), offshores no Dubai (Emirados Árabes Unidos) e no Luxemburgo, milhões de dólares desviados da Sonangol, negócios da empresa NOS e da petrolífera portuguesa GALP, todos sob suspeita, e compra de um prédio em Lisboa. Todas estas operações estão sob vigilância apertada das autoridades judiciais lusas, segundo a revista SÁBADO.

Leia mais em Jornal de Angola

Artigos relacionados
AngolaEconomia

Isabel dos Santos deixa administração da operadora angolana Unitel

MundoSociedade

Ex-Ministro das Finanças da Malásia preso por corrupção

Angola

Empresa de Isabel dos Santos deve USD 405 milhões à Unitel

ChinaEconomia

Antigo presidente do Banco de Desenvolvimento da China julgado por corrupção

Assine nossa Newsletter