George Floyd avisou cerca de 20 vezes que não conseguia respirar -

George Floyd avisou cerca de 20 vezes que não conseguia respirar

Registo das autoridades confirma os apelos de George Floyd quando imobilizado. Avisou cerca de duas dezenas de vezes que não conseguia respirar.

O afro-americano George Floyd, morto pela polícia e que provocou protestos raciais maciços nos Estados Unidos, avisou os agentes cerca de 20 vezes que não conseguia respirar, de acordo com uma transcrição policial divulgada na quarta-feira.

A transcrição foi feita através de uma câmara fixada na farda de Thomas Lane, um dos quatro polícias acusados no caso. A defesa deste está a tentar que as acusações contra ele sejam retiradas apontando para o principal arguido, Derek Chauvin.

Até agora, os últimos minutos da vida de Floyd eram conhecidos graças a vídeos gravados por filmagens de pessoas. Contudo, o documento fornecido por Lane mostra a cena, que ocorreu a 25 de maio em Minneapolis, de uma forma ainda mais dramática.

“Vão matar-me, vão matar-me”, disse Floyd, de 46 anos, uma vez que a polícia o mandou prender e de bruços no chão, ao que Chauvin respondeu: “Para de falar, para de gritar, é preciso muito oxigénio para falar”.

Chauvin foi aquele que sufocou Floyd ao pressionar o joelho contra o pescoço durante mais de oito minutos, durante os quais o afro-americano repetiu mais de 20 vezes que não conseguia respirar.

Leia mais em TSF

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
MundoPolítica

Biden ultrapassa marca de 80 milhões de votos, recorde absoluto

BrasilSociedade

Polícia brasileira detém funcionária do Carrefour envolvida na morte de cidadão negro

BrasilSociedade

Família faz queixa na polícia contra escola que tapou foto de aluna negra em publicidade

BrasilSociedade

Racismo no Brasil. Jovem negro diz ter sido torturado ao tentar comprar um telemóvel num supermercado

Assine nossa Newsletter