Escritório do Crime: homicídios por encomenda. A milícia investigada no caso Marielle - Plataforma Media

Escritório do Crime: homicídios por encomenda. A milícia investigada no caso Marielle

Operação envolve buscas e apreensões a milícia da zona oeste do Rio de Janeiro que pratica homicídios por encomenda

A Polícia Civil e o MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) fazem uma operação hoje contra integrantes do chamado Escritório do Crime, milícia com atuação na zona oeste da capital fluminense que se dedica a homicídios por encomenda.

A ação, batizada de Tânatos, numa referência ao ‘Deus da Morte’ na mitologia grega é um desdobramento da investigação sobre os assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, em março de 2018, segundo a emissora Globonews.

Além de mandados de busca e apreensão, os agentes também cumprem pedidos de prisão de denunciados por compor a organização criminosa. Foram presos no início da manhã Leonardo Gouvêa da Silva, vulgo MAD, e Leandro Gouvêa da Silva, conhecido como Tonhão.

Relacionado com o tema:

Acusado de esconder provas do caso Marielle foi detido pelas autoridades

Leia mais em Folha de S.Paulo

Related posts
BrasilSociedade

Estado do Rio tem queda no número de internações e óbitos por covid-19

BrasilSociedade

Jacarezinho lida com insônia, sustos e flashbacks após operação

BrasilSociedade

Vítimas do Jacarezinho tinham ficha criminal ou envolvimento com o tráfico relatado por parentes

BrasilPolítica

Sem provas, Bolsonaro classifica mortos de Jacarezinho como traficantes que 'roubam e matam'

Assine nossa Newsletter