SOS-Criança em Angola recebeu quase 20 mil denúncias - Plataforma Media

SOS-Criança em Angola recebeu quase 20 mil denúncias

Desde o lançamento, a 16 deste mês, até quinta-feira, o Serviço SOS-Criança registou 19.753 chamadas, com destaque para fugas à paternidade, 1.712, violência física, 1.115, exploração do trabalho infantil, 992, negligência 452, acusação de práticas de feitiçaria, 52, abusos sexuais, 15, e 529 relacionados a outros casos

Luanda, com 1.215, lidera a lista das províncias que mais registou queixas. A seguir vem Benguela, 983, Huambo, 658, Huíla, 521 e Cabinda, 384 casos.

No âmbito das denúncias as pessoas que mais denunciaram entre adultos e crianças, 55 por cento são homens adultos, 35 por cento são mulheres adultas e 10 por cento crianças.

Leia mais em Jornal de Angola.

Artigos relacionados
MoçambiquePolítica

Parlamento Europeu apela a resposta à crise humanitária em Cabo Delgado

MundoPolítica

Portugal reeleito para o Comité dos Direitos Humanos das Nações Unidas

MoçambiquePolítica

Violação de direitos humanos aumenta em Moçambique, revela relatório de ONG

MoçambiquePolítica

Relatório salienta que estado moçambicano tem "fracassado" na proteção dos direitos humanos

Assine nossa Newsletter