Cerveja brasileira retira rótulo com escrava após acusação de racismo - Plataforma Media

Cerveja brasileira retira rótulo com escrava após acusação de racismo

Lata da cerveja Cafuza, de São Paulo, tinha como inspiração fotografia de uma mulher negra escravizada no final do século 19

Uma semana após a fabricante de produtos de limpeza Bombril virar assunto nas redes sociais com a esponja de aço Krespinha, foi a vez de uma cervejaria artesanal paulistana ser acusada de racismo por internautas.

A Cafuza, rótulo da cervejaria Dogma, traz uma ilustração com uma mulher negra de cabelos crespos. O produto foi retirado do ar 2 horas após virar assunto no Twitter. A cerveja chega a custar R$ 35 em lojas terceirizadas e está indiponível em todas elas.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Este artigo está disponível em: English

Assine nossa Newsletter