MPLA aprovará o pacote autárquico "sem polémica" mas não tem data para eleições - Plataforma Media

MPLA aprovará o pacote autárquico “sem polémica” mas não tem data para eleições

Em entrevista à DW, o deputado João Pinto do MPLA disse que o processo de instituição do poder local em Angola está a “correr bem” e que as leis de ação autárquicas foram aprovadas por unanimidade. Falta o resto: marcar as eleições e aparecerem os candidatos

Os deputados angolanos devem debater e aprovar esta quarta feira  mais uma proposta de pacote legislativo autárquico em Angola. Desta vez vai ser a proposta de lei sobre os símbolos autárquicos de iniciativa do Governo que entrou no Parlamento em março.

Em entrevista à DW África, o deputado João Pinto do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) não se comprometeu com uma data para as eleições autárquicas, que deviam acontecer este ano, embora tenha insistido que o pacote legislativo autárquico está a ser aprovado por consenso e “sem polémica”.

UNITA acredita em eleições autárquicas ainda neste ano

Questionado sobre se há tempo, até ao final do ano parlamentar, que é em agosto, para o país ainda preparar e realizar as eleições autárquicas, o deputado João Pinto não respondeu diretamente. “Vamos aguardar só concluir o processo, que está a correr bem felizmente, quando muitos não contavam. Conseguimos aprovar a lei de ação sem polémica e acredito que ao terminarmos o Presidente da República a quem cabe neste caso, ouvindo a Comissão Nacional Eleitoral e o Conselho da República, tratar da questão”.

Para além de não haver uma data para as eleições, também não há ainda candidatos. Perante estes factos, João Pinto resguardou-se na ideia de que “as estratégias dos partidos são internas”.

Artigos relacionados
AngolaSociedade

Aumentam crianças arrastadas para as vigílias no “Morro dos Veados”

Angola

Supermercados Kero podem ter novos donos este ano

AngolaPolítica

Angola prevê vacinar 53 por cento da população

AngolaCultura

Projecto cultural cria espaços de recreação na comunidade

Assine nossa Newsletter