Orçamento suplementar "não tem cortes sociais ou aumento de impostos" - Plataforma Media

Orçamento suplementar “não tem cortes sociais ou aumento de impostos”

O ministro das Finanças, João Leão, disse, esta terça-feira, que a proposta de Orçamento Suplementar “não tem aumento de impostos” ou “cortes sociais”

“Posso já dizer o que este orçamento suplementar não tem”, começou por dizer o ministro, presente na Assembleia da República para defender a proposta do Governo, 24 horas depois de tomar posse, em substituição de Mário Centeno.

João Leão salientou “um aspeto fundamental e absolutamente diferente do que foi aplicado em crises e orçamentos suplementares anteriores” ao defender o orçamento suplementar que havia sido apresentado ao país pelo antecessor.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
Economia

"Pontapé de saída para recuperação está dado"

EconomiaPolítica

Eurogrupo alivia pressão sobre Leão. Apoios não devem ser retirados de forma prematura

MundoPortugal

Três comissários europeus em quarentena depois de contacto com João Leão

PolíticaPortugal

Ministro das Finanças testa positivo à Covid-19

Assine nossa Newsletter