Só a Grande Lisboa e o Norte têm focos de transmissão - Plataforma Media

Só a Grande Lisboa e o Norte têm focos de transmissão

As regiões do Centro, Alentejo e Algarve têm “pequenos focos”. Já os arquipélagos referem-se a “transmissão esporádica” do novo coronavírus, que, esta terça-feira, registou mais 195 novos casos e 12 vítimas mortais no país, segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde.

Em Portugal, nas últimas 24 horas, morreram mais 12 pessoas e foram confirmados mais 195 casos de covid-19. Segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), desta terça-feira (2 de junho), no total, desde que a pandemia começou registaram-se 32 895 infetados, 19 869 recuperados (mais 317) e 1436 vítimas mortais no país.

Ou seja, há, neste momento, 11 590 doentes portugueses ativos (valor encontrado quando se subtrai o número de curados e mortes ao total nacional), menos 134 que no dia anterior. A transmissão comunitária do vírus, em Portugal, só existe nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo e no Norte, apontou a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, durante a conferência de imprensa diária, a partir dos dados reportados pelas autoridades de saúde locais. No Centro há “apenas pequenos focos muito localizados”. Alentejo e Algarve também se referem a “pequenos focos”. Já a Madeira e os Açores a “transmissão esporádica”.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Mais 688 casos e seis mortes em Portugal nas últimas 24 horas

AngolaSociedade

Professores angolanos do ensino geral testados a partir de amanhã

MundoSociedade

Guterres lamenta um milhão de mortos e diz que mundo tem de aprender

Mundo

Meio milhão de tubarões poderão ser mortos para produção da vacina de Covid-19

Assine nossa Newsletter