Vamos voltar a viajar de avião, mas não vai ser a mesma coisa - Plataforma Media

Vamos voltar a viajar de avião, mas não vai ser a mesma coisa

As empresas de aviação foram fortemente atingidas pela pandemia e o retorno vai ser difícil. Voltaremos a viajar, mas seguramente haverá muitas mudanças de forma a garantir as regras de distância, etiqueta, higienização das mãos e utilização de máscaras em ambientes fechados.

A fila para entrada noutros países

À medida que os países vão controlando a sua situação internamente vão ter que acautelar que o perigo não vem de fora. Assim, é previsível que exijam uma avaliação clínica à entrada (pesquisa de febre e/ou teste para o novo coronavírus) e/ou quarentena de 14 dias antes de circular livremente.

Vai precisar de mais do que o passaporte

Alguns países, exigirão que traga o resultado do teste para o novo coronavírus – e poderá ver a sua entrada recusada se não tiver um certificado de imunidade.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter